Brasileira cria campanha para ajudar animais maltratados na Índia

Imagem (3)Os animais considerados domésticos no Brasil não recebem o mesmo tipo de tratamento na Índia. No país, eles costumam servir apenas para guarda permanecendo em jaulas durante grande parte do dia. Tendo visto isso, a brasileira Luciana Servulo Cunha, resolveu intervir junto a algumas indianas para ajudar estes animais.

Em entrevista ao G1, ela contou sobre sua vida na Índia e a triste realidade de animais domésticos, como gatos e cachorros, maltratados pela população e esquecidos pelo país.

A sensibilização de Luciana veio  quando três cachorros nasceram em frente ao seu apartamento. Os animais estavam em condições deploráveis. “Os três já estavam com uns dois meses quando ficaram doentes e todos meus amigos, incluindo um veterinário indiano e um brasileiro, que consultei por telefone, disseram que eles não sobreviveriam, pois a doença não tem cura”, conta ela. Um dos cachorros sobreviveu e Luciana passou a chamar a cadela de Jaya, que significa vitória em sânscrito.

Algum tempo depois, ela conheceu Thankachi, uma senhora de 65 anos que tem paixão pelos animais domésticos, que assim como Luciana, enxergou uma forma de mudar a realidade na Índia. Thankachi é ex-professora de Zoologia da Universidade de Kerala e,  mesmo sem muitos recursos, passou a levantar fundos para a construção de um abrigo e um hospital para os animais daquela região.

Já conseguiram comprar uma ambulância e parte do material da construção do abrigo, por meio de doações de entidades. Os voluntários já conseguem atender animais em um abrigo improvisado, mas a falta de infraestrutura prejudica bastante o trabalho. Atualmente, há seis cachorros adultos, três filhotes, duas vacas e 23 gatos esperando para serem adotados.

Fonte: http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2013/01/brasileira-cria-campanha-para-ajudar-animais-maltratados-na-india.html

comentários